- Publicidade -
15.6 C
Balneário Camboriú

Brasil deixa de pagar aporte ao banco do Brics

- publicidade -

Leia também

Vereador Achutti sugere vigilância armada nas escolas, Castanheira defende direito de defesa com uso de armas

Após a tragédia ocorrida em Saudades, no Oeste catarinense, nesta semana, o vereador Marcelo Achutti sugeriu que as escolas...

Vereadores aprovam medidas que somam quase R$ 10 mi para o Fundo Municipal de Saúde

A Câmara de Vereadores aprovou, na sessão ordinária desta quarta-feira (5), duas medidas provisórias, do Executivo, que abrem créditos...

Vilton Santos lança vídeopoema em homenagem às mulheres no Dia das Mães

O empresário e poeta Vilton Santos lança nesta sexta-feira (7), às 19h, o vídeopoema ‘Lugar de Mulher’, uma homenagem...

Cinemas estão abertos: confira a programação em Balneário e Itajaí

O cinema do Balneário Shopping reabriu, assim como os de Itajaí (Itajaí Shopping e Brava Mall). Nesta semana há...

Projeto Praia Limpa encerra neste sábado, com ação na Brava

A última etapa do projeto Praia Limpa, que começou em janeiro com ações de limpeza e conscientização ambiental em...
- Publicidade -

Brasil agora está inadimplente com o banco que ajudou a fundar e é um dos acionistas.

Por Adriana Fernandes

- Publicidade -

O governo brasileiro não honrou o pagamento da penúltima parcela de US$ 292 milhões para o aporte de capital no Novo Banco de Desenvolvimento (NDB), a instituição financeira criada pelos cinco países do grupo do Brics (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). O prazo para a quitação da parcela terminou no dia 3 e o Brasil agora está inadimplente com o banco que ajudou a fundar e é um dos acionistas.

O dinheiro para o pagamento da parcela da dívida com o Banco do Brics e outros compromissos com os bancos multilaterais ficou de fora do projeto de lei que foi votado no fim do ano para remanejar despesas do Orçamento de 2020 e atender a demandas de obras de interesse do governo e emendas de parlamentares aliados

No fim do ano, o argumento para votar correndo o texto, mesmo na frente de votação de outros projetos importantes, foi o de que o governo precisava honrar os seus compromissos com organismos multilaterais e não podia ficar com a imagem arranhada na comunidade internacional.

O Brasil ficou inadimplente com o Banco do Brics justamente no ano em que o brasileiro Marcos Troyjo assumiu a presidência da instituição por indicação do governo Bolsonaro e o total de financiamento aprovado para o País bateu recorde em 2020, atingindo US$ 3,5 bilhões.

- Publicidade -

Ex-secretário Especial de Comércio Exterior do Ministério da Economia, Troyjo fez apelos aos ministros Paulo Guedes (Economia), Walter Braga Netto (Casa Civil) e ao presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, para conseguir o pagamento dentro do prazo, mas não obteve sucesso. Um ofício foi enviado aos três alertando para os riscos do não pagamento, inclusive, o de a nota de crédito do banco dada pelas agências internacionais ser afetada negativamente.

Diante da inadimplência, o Brics, por determinação contratual, terá de comunicar às agências de classificação de risco, detentores de títulos e parceiros internacionais, o não pagamento. O Palácio do Planalto foi avisado pelo Ministério da Economia do problema.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,706FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,594SeguidoresSeguir
11,600InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Vereadores aprovam medidas que somam quase R$ 10 mi para o Fundo Municipal de Saúde

A Câmara de Vereadores aprovou, na sessão ordinária desta quarta-feira (5), duas medidas provisórias, do Executivo, que abrem créditos extraordinários em favor do Fundo...

Vilton Santos lança vídeopoema em homenagem às mulheres no Dia das Mães

O empresário e poeta Vilton Santos lança nesta sexta-feira (7), às 19h, o vídeopoema ‘Lugar de Mulher’, uma homenagem às mulheres neste Dia das...

Cinemas estão abertos: confira a programação em Balneário e Itajaí

O cinema do Balneário Shopping reabriu, assim como os de Itajaí (Itajaí Shopping e Brava Mall). Nesta semana há estreias: o suspense Bela Vingança,...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
×

Olá, leitor

Sugestões de pautas, informações em geral.

×