- Publicidade -
21.5 C
Balneário Camboriú

Aulas presenciais das redes municipal e estadual retornam dia 18 de fevereiro em Balneário Camboriú

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

A Secretaria de Educação oficializou o retorno das aulas da rede municipal de ensino de Balneário Camboriú para 18 de fevereiro, data em que também reabrem as escolas da rede estadual. As instituições privadas estão autorizadas a retornar quando quiserem e inclusive algumas já começaram com suas atividades.

Os pais dos alunos podem decidir se querem que seus filhos voltem ou que permaneçam no sistema online.

Retorno, mas somente 50% dos alunos

- Publicidade -

A presidente do Comitê Municipal de Gerenciamento da Pandemia de Covid-19 de Balneário Camboriú, Nilzete Teixeira, que é assessora da Secretaria de Educação, explica que a data de retorno das aulas presenciais foi definida na quarta-feira (6).

“Conforme o decreto do governo estadual, por estarmos no nível gravíssimo de contaminação do vírus, só podemos trabalhar com 50% dos alunos. Os pais irão decidir se vão aderir ou não às aulas presenciais, mas já sabemos que o remoto [aulas online] irá continuar”, diz.

Caso mais de 50% dos alunos de cada escola/núcleo de educação infantil decidam retornar, então os colégios irão atuar de forma escalonada, dividindo os estudantes em grupos com atividades presenciais semana sim, semana não.

“Acredito que a Educação Infantil será a mais procurada, já que os pais estão sem os núcleos há muito tempo e possuem a necessidade de trabalhar, sem ter onde deixar seus filhos. Vamos trabalhar também na importância do contraturno para o reforço escolar, já que sabemos que há alguns alunos que precisam, considerando que o ensino online é diferenciado”, acrescenta.

Cada escola será diferente

Para retornar todas as instituições de ensino de Balneário – públicas e privadas – precisaram aprovar junto do Comitê os seus Planos de Contingência Municipal para a Educação (Plancons). Ao total, 92 documentos foram analisados e aprovados.

“Foi tudo pensado, desde gestão de pessoas, medidas sanitárias, entradas e saídas dos alunos, tempos e espaço (intervalos), informação e comunicação, e também a merenda. Há escolas em que poderão fazer o lanche no refeitório, porque possuem espaço para distanciamento e outras que terão que fazer na sala de aula”, explica.

Novo canal de atendimento

Pensando nisso, a prefeitura de Balneário estará disponibilizando a partir deste mês um canal de 0800, onde escolas e comunidades podem solicitar serviços; dar sugestões e fazer qualquer tipo de reclamação e/ou observação. Além do serviço telefônico, no site da prefeitura (clique aqui) estão sendo disponibilizados QR codes que darão acesso aos Plancons de cada escola.

“Os pais podem conferir diretamente, nos Planos estão todas as informações, pois cada escola possui uma realidade diferente”, afirma.

Olhar atento

- Publicidade -

A Secretaria de Educação também possui alguns métodos que deveriam começar a ser aplicados em 2020, como materiais que incentivam o empreendedorismo, em parceria com o Sebrae, e um sobre autocuidado, através do projeto Jovem Doutor, da USP.

“Também temos uma formação para os professores, através do Lions, sobre inteligência emocional, algo muito necessário em tempos de pandemia. Há possibilidades para eliminar dificuldades que poderemos ter e que exigem um olhar atento, pois antes de tudo queremos saber se os alunos, crianças e adolescentes, estão bem, e depois disso iremos começar o conteúdo, revisando o de 2020 e começando então o de 2021”, destaca.

Redes estadual e particular

Algumas escolas particulares de Balneário Camboriú estão retornando com suas atividades presenciais nesta primeira semana de janeiro – principalmente as creches. O governador Carlos Moisés (PSL) sancionou a lei que considera a educação serviço essencial durante a pandemia de Covid-19, permitindo oficialmente o retorno.

As escolas da rede estadual retornam no dia 18 de fevereiro. Os alunos serão divididos em grupos para as aulas presenciais, com semanas alternadas para contemplar todos os estudantes, mantendo o distanciamento social na sala de aula. As aulas online seguirão para as turmas que estarão em casa.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,732FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,552SeguidoresSeguir
12,000InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
×

Olá, leitor

Sugestões de pautas, informações em geral.

×