- Publicidade -
28 C
Balneário Camboriú

Atlético Goianiense e Corinthians fazem jogo fraco e empatam por 1 a 1 em Goiânia

Leia também

Flamengo ultrapassa Palmeiras e é o líder do ranking dos clubes da CBF

A conquista recente do título brasileiro colocou o Flamengo na liderança do ranking de clubes da CBF, ultrapassando o...

Djokovic iguala recorde de Federer em número de semanas na liderança do ranking

Novak Djokovic enfim alcançou o recorde de Roger Federer na liderança do ranking. Nesta segunda-feira, o sérvio igualou a...

Palmeiras faz 1 a 0 no Grêmio e larga na frente na decisão da Copa do Brasil

O Palmeiras conquistou uma importante vitória por 1 a 0, neste domingo, na partida de ida da final da...

Em um jogo fraco tecnicamente, com muitos erros de passe e poucas chances de gol, Atlético Goianiense e Corinthians, ainda de ressaca por suas eliminações nas oitavas de final da Copa do Brasil, empataram por 1 a 1, neste sábado, no estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia, pela 20.ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o Corinthians até conseguiu ganhar duas colocações na tabela de classificação. Subiu do 11.º para o nono lugar, agora com 25 pontos. Mas deve cair com os jogos que complementarão a rodada neste domingo.

- Publicidade -

Do lado do Atlético Goianiense, que terá o técnico Marcelo Cabo de volta nesta semana, o objetivo de ficar mais distante da zona de rebaixamento está sendo cumprido. Com 23 pontos, o time permanece na 13.ª posição. Tem quatro pontos a mais que os times que estão na degola.

Em campo, Atlético Goianiense e Corinthians fizeram um primeiro tempo muito fraco. Os dois times se preocuparam em reforçar a marcação a partir do meio de campo e o jogo ficou muito amarrado Com Luan apagado, o clube paulista dependia das jogadas de bola parada do venezuelano Otero. O goiano buscava trocar mais passes, sempre passando pelo meia Chico, mas pouco produzia.

O gol de cabeça do zagueiro Oliveira, aos 41 minutos, após escanteio pelo lado esquerdo, foi o que de melhor aconteceu na primeira etapa. Pouco antes dos donos da casa abrirem o placar, Matheus Davó teve uma chance em uma saída errada do adversário, mas permitiu que o goleiro Jean se recuperasse e evitasse a finalização.

O intervalo serviu para o Corinthians repensar a atitude em campo e ela foi diferente nos primeiros minutos da segunda etapa Com mais rapidez nas jogadas de ataque, o time criou uma boa chance aos seis minutos com Ramiro e, aos oito, conseguiu um pênalti com Fagner. O lateral-esquerdo Fábio Santos bateu com categoria e empatou aos 11 – seus 15.º gol em 218 jogos pelo clube alvinegro.

- Publicidade -

Depois do empate corintiano, o jogo esfriou novamente. Aliado à postura mais defensiva das duas equipes, o péssimo estado do gramado contribuiu para inúmeros erros de passe de ambos os lados. Nada de mais relevante foi criado e os goleiros Jean e Cássio não tiveram qualquer trabalho.

Apenas com o Brasileirão pela frente até o final da temporada, os dois clubes terão a semana livre para treinamentos e voltarão a campo apenas no próximo final de semana. O Atlético Goianiense jogará contra o Flamengo, no sábado, às 21h30, no estádio do Maracanã, no Rio de Janeiro. O Corinthians enfrentará o Atlético-MG no mesmo dia, às 19 horas, na Neo Química Arena, em São Paulo.

FICHA TÉCNICA

ATLÉTICO GOIANIENSE 1 x 1 CORINTHIANS

ATLÉTICO GOIANIENSE – Jean; Dudu, Gilvan, Oliveira e Nicolas (Natanael); Marlon Freitas, Willian Maranhão e Matheus Vargas (Wellington Rato); Chico (Matheuzinho), Zé Roberto (Júnior Brandão) e Gustavo Ferrareis. Técnico: Eduardo Souza (interino)

CORINTHIANS – Cássio; Fagner, Marllon, Gil e Fábio Santos; Gabriel (Camacho), Xavier (Gustavo Mosquito), Ramiro (Éderson) e Luan; Otero (Everaldo) e Matheus Davó (Léo Natel). Técnico: Vagner Mancini.

GOLS – Oliveira, aos 41 minutos do primeiro tempo; Fábio Santos (pênalti), aos 11 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Natanael e Oliveira (Atlético Goianiense); Gabriel, Bruno Méndez (no banco de reservas), Otero e Xavier (Corinthians).

ÁRBITRO – Jean Pierre Gonçalves Lima (RS).

RENDA E PÚBLICO – Jogo com portões fechados.

LOCAL – Estádio Olímpico Pedro Ludovico, em Goiânia (GO).

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

É iminente o colapso generalizado do sistema de saúde do País

18 Estados já têm mais de 80% de UTIs lotadas e secretários querem lockdown
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -