- Publicidade -
21 C
Balneário Camboriú

Palmeiras joga mal e empata com Libertad no Paraguai, pela Libertadores

- publicidade -

Leia também

Comandante da PM fala sobre redução nos índices de homicídios e roubos em Balneário

Nos quatro primeiros meses deste ano, Balneário Camboriú registrou uma redução de 62,5%, no número de homicídios e 68%...

Vacinação contra Influenza inicia nesta terça para idosos 70+

A Secretaria da Saúde inicia a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza para idosos,...

Aulas e oficinas na Casa da Mulher e no Centro da Rua Itália retornam na segunda-feira

A partir de segunda-feira (10) iniciam as aulas de alongamento, fortalecimento muscular, pilates, fit dance, inglês, dentre outras oficinas,...

Entrevista com Luciana Andréa de Jesus: “A natureza é sábia e normalmente a planta que você precisa nasce no seu entorno”

Luciana Andréa de Jesus, 51, catarinense de Blumenau, moradora de Balneário Camboriú há quase quatro décadas (1984), onde estudou...

Casal que foi despejado pede ajuda, Resgate Social diz que eles não aceitaram ir para Casa de Passagem

O Página 3 foi procurado por leitores que informaram sobre a situação de um casal que está na rua...
- Publicidade -

Por Glauco de Pierri

O Palmeiras ligou o sinal amarelo na Copa Libertadores. Nem tanto pelo resultado conseguido na partida de ida das quartas de final do torneio, um bom empate em 1 a 1 com o Libertad, no Paraguai. Mas sim pelo que jogou nos quase 100 minutos de bola rolando, nesta terça-feira. Em campo, o time paraguaio sufocou os brasileiros do começo ao final da partida e mostrou que tem chances de avançar às semifinais mesmo no jogo da volta, marcado para semana que vem, no Allianz Parque.

- Publicidade -

Para a partida da volta, o time brasileiro terá um reforço importante: o técnico Abel Ferreira, recuperado da covid-19, voltará a dirigir a equipe.

No começo do jogo, o Palmeiras parecia o time que foi treinado por Vanderlei Luxemburgo, e não o dos últimos jogos. Lento, com muitos erros de passe e sem criatividade, o time sofreu e levou um sufoco até marcar o primeiro gol do jogo.

Weverton percebeu que teria uma noite difícil logo aos três minutos. Zé Rafael foi recuar uma bola de cabeça do meio-campo, errou o passe e complicou a defesa. Bareiro dominou com espaço e chutou no ângulo, mas o goleiro alviverde fez excelente defesa.

Aos oito minutos, um lance que poderia ter mudado o jogo. Gabriel Menino levantou bola na área e Rony foi para o lance, mas o zagueiro paraguaio fez o bloqueio com uma cotovelada. O VAR (Árbitro de Vídeo) chamou o juiz, mas ele não assinalou a penalidade.

- Publicidade -

O Libertad continuou em cima do Palmeiras e perdeu mais chances aos 14, com um chute forte de Espinoza, e aos 16, com Bareiro, que recebeu livre na área e tocou na saída de Weverton, mas a bola bateu na trave.

Acuado, o Palmeiras tentou parar o jogo, cadenciando ainda mais seus toques. Mesmo assim, o Libertad teve outra boa chance aos 35. Bareiro cruzou na área e Cardozo, sozinho, cabeceou à esquerda do gol.

O Palmeiras mal conseguia sair da defesa, mas conseguiu um escanteio aos 38 minutos. Gustavo Scarpa bateu muito bem e o zagueiro Gustavo Gómez, revelado pelo Libertad, cabeceou sem chances para o goleiro Martín Silva: 1 a 0 para o time brasileiro.

O gol sofrido deixou o Libertad nervoso e o Palmeiras perdeu ótima chance para aumentar o placar. Em cobrança de falta perto da área, Gustavo Scarpa bateu e acertou a trave. No rebote, Rony não conseguiu mandar para o gol.

O segundo tempo começou parecido com o primeiro, com o time paraguaio levando mais perigo. De tanto insistir, o Libertad chegou ao gol de empate. Aos 16 minutos, Bareira recebeu pela direita, cortou para a esquerda e cruzou para Espinoza marcar o gol de cabeça. Ele contou com uma falha do goleiro Weverton, que saiu muito mal no lance.

O Palmeiras mandou a campo Lucas Lima e Emerson Santos. Aos 23, o Palmeiras perdeu ótima chance de desempatar. Danilo apareceu na entrada da área, driblou o zagueiro e ficou cara a cara com Martín Silva, que fez ótima defesa após o chute do volante.

O jogo ficou mais truncado e o Palmeiras chegou com perigo aos 40, com Lucas Lima em cobrança de falta para ótima defesa de Martín Silva. O próprio Lucas Lima foi expulso aos 50 minutos do segundo tempo e na última chance do jogo, aos 53, Espinoza bateu falta na trave.

FICHA TÉCNICA:

LIBERTAD-PAR 1 x 1 PALMEIRAS

LIBERTAD-PAR – Martín Silva; Ramirez, Luis Cardozo, Adorno e Piris; Campuzano, Espinosa, Bareiro e Cáceres (Hugo Martínez); Adrián Martínez (Villalba) e Óscar Cardozo (Ferreira). Técnico: Gustavo Morínigo.

PALMEIRAS – Weverton; Gabriel Menino, Luan, Gustavo Gómez e Viña; Danilo, Zé Rafael (Emerson Santos), Gabriel Verón (Breno Lopes), Raphael Veiga (Lucas Lima) e Gustavo Scarpa (Gabriel Silva); Rony (Willian). Técnico: Vitor Castanheira (auxiliar).

GOLS – Gustavo Gómez, aos 38 minutos do primeiro tempo. Espinoza, aos 16 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Zé Rafael, Campuzano, Cáceres, Raphael Veiga, Gabriel Menino, Luis Cardozo.

CARTÕES VERMELHOS – Lucas Lima e Vitor Castanheira (auxiliar).

ÁRBITRO – Fernando Rapallini (ARG).

RENDA E PÚBLICO – Jogo sem torcida.

LOCAL – Estádio Defensores del Chaco, em Assunção (Paraguai).

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,714FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,594SeguidoresSeguir
11,600InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Vacinação contra Influenza inicia nesta terça para idosos 70+

A Secretaria da Saúde inicia a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza para idosos, nesta terça-feira. Para evitar aglomerações,...

Aulas e oficinas na Casa da Mulher e no Centro da Rua Itália retornam na segunda-feira

A partir de segunda-feira (10) iniciam as aulas de alongamento, fortalecimento muscular, pilates, fit dance, inglês, dentre outras oficinas, na Casa da Mulher, que...

Entrevista com Luciana Andréa de Jesus: “A natureza é sábia e normalmente a planta que você precisa nasce no seu entorno”

Luciana Andréa de Jesus, 51, catarinense de Blumenau, moradora de Balneário Camboriú há quase quatro décadas (1984), onde estudou Administração e Contábeis, mas não...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
×

Olá, leitor

Sugestões de pautas, informações em geral.

×