- Publicidade -
17 C
Balneário Camboriú

Sport quebra invencibilidade do Inter e reabre a briga pelo título do Brasileiro

- publicidade -

Leia também

- Publicidade -

O Sport derrotou o Internacional, nesta quarta-feira, em pleno Beira-Rio, por 2 a 1, em duelo válido pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro. Além de quebrar a invencibilidade de 12 jogos do líder da competição, se afastou bem da zona de rebaixamento e reabriu a briga pelo título nacional. O colorado gaúcho continua com 66 pontos, enquanto o Sport passou a somar 41.

O primeiro tempo foi repleto de alternativas e emoções. O Inter começou como se esperava, ao impor um ritmo forte na tentativa de encurralar o Sport, que, por sua vez, se apresentou muito tímido, abdicando praticamente do ataque.

- Publicidade -

Com dez dos 25 gols marcados no Beira-Rio na era Abel feitos em bolas alçadas na área, o Inter abusou dos cruzamentos, principalmente com Patrick pelo lado esquerdo. O alvo principal foi o rápido Caio Vidal, que levou perigo duas vezes á meta pernambucana.

A impressão que dava é que o gol gaúcho sairia a qualquer momento, mas uma falha mudou o panorama do jogo. Marquinhos ganhou de Uendel e partiu em direção ao gol de Marcelo Lomba, mas acabou sendo derrubado pelo lateral-esquerdo do Inter, muito próximo à grande área.

Uendel foi expulso, aos 25 minutos, e o Inter perdeu o equilíbrio, a ponto de tomar um lindo contra-ataque do Sport, finalizado de forma muito eficiente por Marcão, aos 37 minutos. Mas o gol não tirou o ânimo do Inter, que permaneceu no campo do adversário e conseguiu o empate, aos 40, após belo chute de Patrick.

Mas o incrível primeiro tempo ainda reservava mais um momento interessante. Aos 49, Patric cruzou e a bola deu a impressão de que sairia, mas Júnior Tavares acreditou no lance, ao contrário da zaga do Inter, e passou para a finalização certeira de Dalberto: 2 a 1 Sport.

- Publicidade -

Apesar da vantagem no placar, o Sport manteve o esquema 5-4-1, tornando muito difícil a armação das jogadas. O Inter praticamente não entrava na área do Sport. Mas aos 18 minutos, Caio Vidal levou muito perigo em dois lances, sendo que no primeiro acertou a trave.

Aos poucos, o Inter foi se perdendo na partida e quase não agrediu o Sport, que teve chances com Hernane e Thiago Neves para aumentar o placar.

No desespero, aos 49 minutos, o Inter quase empatou com Yuri Alberto, mas sua forte finalização passou por cima do gol de Luan Polli. A invencibilidade de 12 jogos tinha chegado ao fim.

FICHA TÉCNICA

INTERNACIONAL 1 X 2 SPORT

INTERNACIONAL – Marcelo Lomba; Rodinei, Lucas Ribeiro, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Dourado (Nonato), Edenílson, Praxedes (Leonardo Borges), Caio Vidal (Abel Hernández); Patrick (Peglow) e Yuri Alberto. Técnico: Abel Braga.

SPORT – Luan Polli; Patric, Iago Maidana, Adryelson, Rafael Thyere e Júnior Tavares (Hernane), Marcão Silva, Betinho (Ronaldo Henrique), Thiago Neves (Ewerthon), Marquinhos (Sander) e Dalberto (Luciano Juba). Técnico: Jair Ventura.

GOLS – Marcão aos 37, Patrick aos 40 e Dalberto aos 49 minutos do primeiro tempo.

ÁRBITRO – Rodolpho Toski Marques (PR).

CARTÕES AMARELOS – Marquinhos, Patrick, Patric, Luan Polli.

CARTÃO VERMELHO – Uendel.

RENDA E PÚBLICO – Jogo disputado com portões fechados.

LOCAL – Beira-Rio, Porto Alegre.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,735FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,581SeguidoresSeguir
11,600InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
×

Olá, leitor

Sugestões de pautas, informações em geral.

×