- Publicidade -
17 C
Balneário Camboriú

Defensa y Justicia vence final argentina contra Lanús e conquista a Sul-Americana

- publicidade -

Leia também

Vacinação contra Influenza inicia nesta terça para idosos 70+

A Secretaria da Saúde inicia a segunda fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o vírus Influenza para idosos,...

Aulas e oficinas na Casa da Mulher e no Centro da Rua Itália retornam na segunda-feira

A partir de segunda-feira (10) iniciam as aulas de alongamento, fortalecimento muscular, pilates, fit dance, inglês, dentre outras oficinas,...

Entrevista com Luciana Andréa de Jesus: “A natureza é sábia e normalmente a planta que você precisa nasce no seu entorno”

Luciana Andréa de Jesus, 51, catarinense de Blumenau, moradora de Balneário Camboriú há quase quatro décadas (1984), onde estudou...

Casal que foi despejado pede ajuda, Resgate Social diz que eles não aceitaram ir para Casa de Passagem

O Página 3 foi procurado por leitores que informaram sobre a situação de um casal que está na rua...

Psicóloga aborda “Maternidade ideal versus possível” em livro sobre Primeira Infância

A maternidade envolve uma série de aprendizados práticos como trocar fraldas, entender a pega correta da amamentação, aplicar técnicas...
- Publicidade -

O modesto Defensa y Justicia, clube da província de Florencio Varela, localizada nos arredores de Buenos Aires, conquistou neste sábado o maior título de sua história de 85 anos. Em uma final totalmente argentina no estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba, na Argentina, o time derrotou o Lanús por 3 a 0 e sagrou campeão da edição de 2020 da Copa Sul-Americana.

O lateral-direito Adonis Frías, o atacante Braian Romero (ex-Athletico-PR) e Washington Camacho marcaram os gols do título do Defensa y Justicia, na decisão que teve 2.500 torcedores credenciados. Com o gol na final, Romero fechou a competição com 10 anotados em nove jogos.

- Publicidade -

O Lanús teve dificuldades durante toda a partida para superar a forte marcação do Defensa y Justicia, com a equipe não acertando nenhum chute na meta do goleiro Unsain no jogo.

O título também coroa o início da carreira de Hernán Crespo como treinador. Em seu primeiro trabalho como técnico, o ex-atacante da seleção da Argentina conseguiu a vaga na Copa Sul-Americana ao terminar na terceira posição em seu grupo na Copa Libertadores – que teve Santos, Delfin (Equador) e Olímpia (Paraguai) – e avançar quatro fases até o título.

Na Copa Sul-Americana, o Defensa y Justicia eliminou Sportivo Luqueño (do Paraguai, na segunda fase), Vasco (oitavas de final), Bahia (quartas de final) e Coquimbo Unido (do Chile, nas semifinais) antes de bater o Lanús na final.

A conquista também vale para a equipe argentina a vaga direta na próxima edição da Libertadores e o direito de participar da decisão da Recopa Sul-Americana contra o vencedor da principal competições de clubes do continente, que está entre os brasileiros Palmeiras e Santos.

- Publicidade -

Jornal Página 3 nas redes

39,712FãsCurtir
18,100SeguidoresSeguir
6,594SeguidoresSeguir
11,600InscritosInscrever
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Aulas e oficinas na Casa da Mulher e no Centro da Rua Itália retornam na segunda-feira

A partir de segunda-feira (10) iniciam as aulas de alongamento, fortalecimento muscular, pilates, fit dance, inglês, dentre outras oficinas, na Casa da Mulher, que...

Entrevista com Luciana Andréa de Jesus: “A natureza é sábia e normalmente a planta que você precisa nasce no seu entorno”

Luciana Andréa de Jesus, 51, catarinense de Blumenau, moradora de Balneário Camboriú há quase quatro décadas (1984), onde estudou Administração e Contábeis, mas não...

Casal que foi despejado pede ajuda, Resgate Social diz que eles não aceitaram ir para Casa de Passagem

O Página 3 foi procurado por leitores que informaram sobre a situação de um casal que está na rua após serem despejados da casa...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
×

Olá, leitor

Sugestões de pautas, informações em geral.

×