- Publicidade -
24 C
Balneário Camboriú

Silvana Batista Gomes está como secretária interina da Secretaria da Pessoa Idosa

Leia também

Dia da Mulher: data alerta para o aumento dos casos de violência doméstica em Balneário Camboriú

Por Renata Rutes O Dia Internacional da Mulher foi oficializado pela Organização das Nações Unidas na década de 70, para...

Ministro do STF critica omissão de cartório que escondeu dados de Flávio Bolsonaro

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse ao Estadão que é "condenável" e "muito ruim...

A diretora geral da Secretaria da Pessoa Idosa (SPI) de Balneário Camboriú, Silvana Batista Gomes, está substituindo interinamente o secretário, Paulo César Senk Junior, que deixou o cargo para se dedicar aos estudos para o concurso da Polícia Federal. 

Nova secretária vai acumular funções

Ao Página 3, Silvana conta que entrou na SPI em 2019, na equipe do então secretário e Promotor de Justiça aposentado Rosan da Rocha, ocupando o cargo de Coordenadora de Promoção e Integração. Em 2020, quando Paulo César Senk Junior assumiu a pasta, ela passou a ser diretora geral da secretaria. 

- Publicidade -

“Ele pediu exoneração na última segunda-feira (15) para seguir o sonho dele, que é a Polícia Federal, vai estudar para o concurso. Eu já estava como diretora, e agora vou acumular também o cargo de secretária, respondendo pela SPI”, explica.

Silvana salienta que ainda não há uma data para o novo nome que irá comandar a secretaria ser anunciado [o que foi confirmado pela Comunicação da prefeitura] e até lá ela irá comandar a pasta, que é uma das principais do governo do prefeito Fabrício Oliveira.

“Sou bacharel em Direito, fui presidente do Lions Clube Célio Gascho, e sempre trabalhei com esse lado social, como na Secretaria, então foi unir o útil ao agradável”, analisa.

Vacina é luz no fim do túnel

A secretária opina que 2021 tende a ser um ano melhor, pois vê que os idosos estão menos apreensivos, com a esperança focada na vacinação. 

- Publicidade -

“Sentimos muito a falta deles também, porque era a nossa rotina receber de 300 a 400 idosos/dia, com as várias oficinas que oferecíamos, sempre muita animação, nossa sede cheia. Conseguimos realizar algumas atividades online, como alongamento, ritmos, conversas com psicólogos e exercício para o cérebro [que retorna nesta quinta-feira, 25, às 15h] e isso ajuda. Há lives que contam com a participação de 200 idosos, é muito gratificante. Com a vacina vemos uma luz no fim do túnel, mas ainda não sabemos quando poderemos voltar com as atividades presenciais”, completa.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

Vítima do caminhão que arrastou moto por 32 Km está em estado “gravíssimo”

O vereador camboriuense Marcio Pereira, informou à imprensa na manhã deste domingo que é “gravíssima” a situação de Sandra...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -