- Publicidade -
23 C
Balneário Camboriú

UTIs para covid do Marieta e do Ruth Cardoso trabalham no limite da capacidade

Leia também

Patrões se manifestam contra suspensão, apesar das 353 mortes em 7 dias e todo o Estado em situação gravíssima

Nenhuma entidade médica assinou o manifesto. Empregados, que são maioria, não foram ouvidos.

EUA autoriza uso emergencial de vacina da Janssen/J&J, que requer apenas 1 dose

A agência reguladora para medicamentos dos Estados Unidos (FDA, na sigla em inglês) autorizou nesta sábado, 27, o uso...

Fiocruz recebe insumos para produzir mais 12,2 mi de doses da vacina de Oxford

A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), em Manguinhos (zona norte do Rio de Janeiro), recebeu por volta das 19h40 deste...

Ao anoitecer deste domingo, 13, a UTI para covid do Hospital Marieta, após a morte de três pacientes, tinha quatro leitos disponíveis e a UTI do anexo covid, do Hospital Ruth Cardoso, dispunha de três vagas.

Em conjunto, os dois hospitais têm sete leitos vazios, mas ambos trabalham há várias semanas no limite dos recursos humanos e materiais, em decorrência da omissão das autoridades em impor regras mais duras de distanciamento e da população que insiste em aglomerar mesmo sabendo que a doença pode ser mortal.

- Publicidade -

Itajaí na noite de domingo acumulava 221 mortes e 1.512 doentes, ocupando a segunda posição em mortes por habitantes entre as cidades catarinenses acima de 80.000 habitantes.

Balneário Camboriú, quarta colocada em mortes e segunda em quantidade de casos, dentre as maiores cidades do Estado, está com 1.712 doentes e 129 mortos.

Nas últimas 48 horas, Santa Catarina registrou mais 6.357 casos da doença e 81 mortes.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

Série ‘Os Últimos Dias de Gilda’, de Gustavo Pizzi, estará no Festival de Berlim

Uma mulher que vive sua vida intensamente, se preocupando em buscar a sua felicidade sem se importar com o...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -