- Publicidade -
24 C
Balneário Camboriú

Trump afirma que leis dos swing states são anteriores às ‘fraudes eleitorais’

- publicidade -

Leia também

IMAS assumirá a gestão do PA da Barra em maio: empresa já administra a UPA Nações

Unidade terá pediatra 24h, um pedido antigo da comunidade

Gotardo aprova requerimento de convocação sobre transporte público

O Legislativo de Balneário Camboriú aprovou na sessão desta quarta-feira, 14, um requerimento protocolado pelo vereador Lucas Gotardo, do...

Balneário Camboriú presente no seminário sobre cidades amigas do idoso

A Secretaria da Pessoa Idosa de Balneário Camboriú irá participar, nesta sexta-feira (16), às 14h, do seminário online ‘Relatos...

Anny de Bassi na equipe brasileira que vai ao Mundial de Revezamento na Polônia em maio

A velocista Anny Caroline de Bassi (23 anos), de Balneário Camboriú, foi convocada para integrar a equipe brasileira que...

Empreendedor de Balneário Camboriú cria produto inovador com o Programa ALI do Sebrae/SC

O empresário Ricardo Calikevstz, proprietário da Italicus Pane & Pasta, de Balneário Camboriú, encontrou no Programa Agentes Locais de...
- Publicidade -

Por Wilian Miron

Prestes a deixar o poder, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a utilizar suas redes sociais para questionar os resultados da eleição presidencial vencida por Joe Biden, em novembro.

- Publicidade -

Desta vez, ele alegou, em sua conta no Twitter, que as leis eleitorais dos chamados “swing states”, decisivos para a eleição presidencial, foram elaboradas por juízes e políticos locais em vez de terem sido feitas pelas legislaturas, e, portanto, “antes de se chegar às irregularidades e fraudes, inconstitucionais”. A mensagem de Trump foi marcada com o selo “esta alegação de fraude eleitoral é contestada”.

Trump também voltou a falar que o número de votos nestes Estados é muito grande e totalmente determinante para o resultado eleitoral. “Apenas os democratas e alguns Rino’s ousariam contestar isso – mesmo sabendo que é verdade”, disse.

Rino é a sigla para Republican In Name Only (ou Republicanos só de nome, em tradução livre), expressão usada pela ala radical do partido para atacar o grupo mais ao centro político – nesta eleição, apoiadores de Trump a utilizam para se referirem àqueles que se opõem às contestações judiciais do resultado eleitoral.

- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -

Anny de Bassi na equipe brasileira que vai ao Mundial de Revezamento na Polônia em maio

A velocista Anny Caroline de Bassi (23 anos), de Balneário Camboriú, foi convocada para integrar a equipe brasileira que disputará o Campeonato Mundial de...

Comunidade relata problemas com recicladoras em Balneário Camboriú: há até informações de crimes, como tráfico e receptação

A comunidade dos bairros Municípios e Vila Real procurou o Página 3 após a publicação de matéria a respeito do abaixo assinado criado pela...

Entidades farão limpeza do Rio Camboriú que recebe cerca de 40t de esgoto todos os dias

Várias entidades de Balneário Camboriú e região estarão participando da 2a Ação Integrada de Limpeza do Rio Camboriú, no próximo dia 24. As inscrições...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -