- Publicidade -
25 C
Balneário Camboriú

Churrascaria às margens da BR-101 flagrada com carnes vencidas, oito pessoas foram autuadas

A ação integra a Operação ‘El Patron’

Leia também

Suspeita de insider da Petrobras já estava no radar da B3

As operações atípicas com ações da Petrobras já haviam chamado a atenção dentro da B3, a bolsa paulista, nos...

Mulher é presa suspeita de ter comprado celular com dinheiro falso, em Balneário

Uma mulher, identificada como T.I.C., foi presa na tarde de terça-feira (2), suspeita de ter comprado um celular na...

PGR pede para STJ manter condenação que pode tirar mandato de Lira

Por Breno Pires A Procuradoria-Geral da República (PGR) enviou parecer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), no mês passado, defendendo...

A Polícia Civil flagrou, na manhã desta sexta-feira (29), uma churrascaria que fica às margens da BR-101, no Bairro Salseiros, em Itajaí, com carnes vencidas. A Galpão Gaúcho oferecia espeto corrido por R$ 16,99. A ação integra a Operação ‘El Patron’, que visa combater o roubo de cargas e apurar crimes contra as relações de consumo, como as carnes vencidas que eram servidas ao público.

Segundo a Delegacia de Furtos e Roubos de Cargas da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC/PCSC) foram cumpridos 10 mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça, em Itajaí e em Balneário Piçarras. 

- Publicidade -

A polícia apurou que funcionários de uma empresa que seria responsável pela retirada de carnes com o prazo de validade vencido (diretamente nos supermercados) estavam extraviando a mercadoria. Ao invés de destinarem as mercadorias para uma segunda empresa que transformaria o material em ração e biodiesel, vendiam para churrascarias, entre elas, a Galpão Gaúcho.

(Foto Polícia Civil)

Investigações continuam

Diversas denúncias chegaram até a Polícia Civil, mas somente na Galpão Gaúcho, onde os policiais apreenderam as carnes vencidas, o fato foi confirmado. Com o dono da churrascaria foi apreendido dinheiro e uma arma de fogo. 

Também no restaurante de Itajaí foram detidas oito pessoas (entre elas o proprietário), que foram encaminhadas ao Complexo Penitenciário do Vale do Itajaí, mas não serão presas, sendo somente monitoradas através do uso de tornozeleiras eletrônicas, pois as investigações continuam já que a suspeita é de que outras churrascarias da região também compravam as carnes.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

Livro mostra a participação do Brasil no golpe chileno

Em setembro de 2013, o jornalista Roberto Simon embarcou em direção ao Chile para acompanhar os eventos ligados aos...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -