- Publicidade -
22.3 C
Balneário Camboriú

Vereador Victor Forte indica que pessoas com deficiência integrem grupo prioritário durante vacinação

- publicidade -

Leia também

Pesquisa mostra que Lula que não pode concorrer tem mais capital político que Bolsonaro

No ranking de potencial de voto ainda estão Sergio Moro (31%), Luciano Huck (28%), Fernando Haddad (27%), Ciro Gomes (25%), Marina Silva (21%), Luiz Henrique Mandetta (15%), João Doria (15%) e Guilherme Boulos (10%).

Crise federativa faz STF decidir em favor dos Estados

Na última sexta-feira, o governador do Piauí, Wellington Dias (PT), gravou um vídeo para agradecer à ministra Rosa Weber,...

Ministro do STF critica omissão de cartório que escondeu dados de Flávio Bolsonaro

O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), disse ao Estadão que é "condenável" e "muito ruim...

O vereador Victor Forte, preocupado com a situação das pessoas com necessidades físicas e mentais, encaminhou ontem (18) uma indicação ao prefeito Fabrício de Oliveira, para que estes grupos sejam incluídos como prioritários durante a vacinação no município, que deverá iniciar em Balneário Camboriú na quarta-feira (20). 

Profissionais de saúde que atuam diretamente no combate ao novo coronavírus, em unidades públicas e privadas, os idosos que vivem no Lar dos Idosos e acima dos 75 anos – serão os primeiros a receber a imunização, mas para o início destes grupos dependerá da quantidade de doses que Balneário receberá.

- Continue lendo após a publicidade -

Victor, que é o vereador mais novo a assumir uma vaga no Legislativo de Balneário, entende que as pessoas com deficiência de qualquer origem – seja visual, auditiva, intelectual, física ou pessoas com autismo – podem ter alterações em seus sistemas imunológicos, bem como algumas possuem comorbidades que podem torná-las vulneráveis às formas mais graves da Covid-19. Para o vereador, a inclusão é algo de extrema relevância sanitária e social. 

“As pessoas com deficiência intelectual, por muitas vezes, não entendem o real significado de proteção, sendo que precisam estar assistidos por outra pessoa, colocando, dessa forma, em risco seus cuidadores”, diz. 

O vereador ressalta ainda as condições difíceis que essas pessoas enfrentam para obterem tratamento médico, psicológico e terapêutico adequados, tal como a falta de viabilidade aos recursos de saúde. 

“Neste sentido, faz-se necessário e primordial que estes indivíduos sejam atendidos e colocados como parte do grupo prioritário para o recebimento da vacina em todos os programas de imunização contra a Covid-19”, finaliza.

- Publicidade -
- Publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

Palmeiras bate Grêmio por 2 a 0, fatura Copa do Brasil e alcança a tríplice coroa

Por Ciro Campos Virou rotina ver o Palmeiras campeão na temporada 2020. Menos de 40 dias depois de conquistar a...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -