- Publicidade -
26 C
Balneário Camboriú

Ontega resume as tendências das criptomoedas para 2020 e projeções para 2021

Leia também

INSS suspende obrigação de prova de vida por mais 2 meses e amplia prova digital

Em razão da continuidade da pandemia de covid-19, o Ministério da Economia e o Instituto Nacional do Seguro Social...

Ticket Log: Litro da gasolina fica acima de R$ 5 pela 1ª vez na média nacional

O Índice de Preços Ticket Log (IPTL) registrou aumento de 4,49% no preço da gasolina nos primeiros 15 dias...

Petrobras comunica nova alta da gasolina e do diesel nas refinarias, diz Abicom

A Petrobras comunicou aos seus clientes que a gasolina e o óleo diesel vendidos em suas refinarias vão ficar...

Com a colaboração da corretora Ontega, do Brasil, realizamos uma análise do mercado de criptomoedas, especialmente levando em consideração o impacto da pandemia sobre ele.

A mudança para uma sociedade sem dinheiro físico está em ascensão há quase cinco anos. Nas últimas semanas – explicam na Ontega – surgiram relatórios e análises do campo das criptomoedas como a realizada pelo especialista Gregory Klumov, que nos permitem refletir sobre um dinheiro em mutação no seu valor e nas suas práticas.

- Publicidade -

O reconhecimento de sua dinâmica, muito mais volátil do que outras moedas, pode oferecer oportunidades para especialistas e usuários que durante 2020 se interessaram por essas moedas.

Antes da pandemia que estamos passando, práticas como trabalhar em casa ou pagar em criptomoedas eram questionáveis e hoje adquiriram uma importância significativa, e conforme detalham na Ontega, houve um aumento de usuários interessados em negociar online com Bitcoins e outras criptomoedas.

Ligado a isso, um número infinito de aplicativos para interagir com o mundo das criptomoedas tornou-se visível, e milhares de usuários estão entrando na compra de ativos digitais. Da mesma forma, os motores de busca na web aproveitaram esta tendência e lançaram suas próprias versões suportadas por essa moeda. Brave Browser, por exemplo, é um navegador criado pela empresa do criador do JavaScript Brendan Eich, e é uma versão que oferece dinâmica e simplicidade de uso, mas que se posiciona como um dos mais utilizados ao conceder uma mensalidade em moeda digital, que pode ficar visível em carteira virtual, dependendo do tempo de uso que é dado.

Em anos anteriores, o uso desses aplicativos era mais comum entre indivíduos com menos de 30 anos. Atualmente, instituições e grandes empresas os utilizam. A confiança nas criptomoedas está aumentando e seu valor está crescendo cada vez mais. Bitcoin (BTC) – que continua a se recuperar do crash do final de 2017, e Ether (ETH), estabeleceram-se como uma moeda comum entre os usuários. Na corretora Ontega Brasil é possível comprar e vender criptomoedas por meio de CFDs (contratos por diferença), ou seja, é possível buscar obter benefícios econômicos com as oscilações de preços, sem a necessidade de comprá-las ou armazená-las.

- Publicidade -

Também deve ser observado que o Facebook introduziu sua própria moeda denominada Libra, que segundo publicação recente do Yahoo Notícias, os líderes financeiros do G-7 ainda não autorizaram seu lançamento, até que seja devidamente regulamentada.

Por outro lado, na Argentina, a UIF (Unidade de Informação Financeira) publicou que desde 2017 as criptomoedas renderam 15% em ganhos de investimento e este número deve continuar crescendo. O próximo ano traz um cenário em que a rentabilidade passa pelo investimento e pelo valor da informação. O treinamento e a especialização nessas mudanças de moedas e aplicativos – afirma-se em Ontega Brasil – são uma oportunidade muito importante para o mundo do dinheiro que está por vir.

Sobre a Ontega

Ontega é uma corretora online que opera no Brasil e em outros países da América Latina. Ela permite que você negocie online com criptomoedas, commodities, moedas, ações e índices de ações. Possui versões web e mobile e tem avaliações positivas no Yahoo Finance, Huffpost e Nasdaq.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

MPs, TCE, DPU e DPE/SC recomendam ao Governo de SC a suspensão das atividades não essenciais por ao menos 14 dias

(Assessoria MP) A medida extrajudicial foi expedida na noite desta sexta-feira (26/2) e tem que ser respondida em 24...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -