- Publicidade -
26 C
Balneário Camboriú

As ideias de Geninho, o novo secretário de turismo de Balneário Camboriú

"A gente tem que viver então do quê? Do turismo o ano todo”.

Leia também

Nova diretoria do Colegiado de Turismo reforça apoio aos atrativos da Costa Verde & Mar e aos protocolos de saúde

Esta semana o Colegiado de Secretários de Turismo da Amfri definiu os nomes da nova diretoria. A presidente da...

Secretário de Turismo apresentou BC 4 Estações: hora de planejar o futuro de Balneário Camboriú

No décimo dia à frente da Secretaria de Turismo, o secretário Geninho Góes apresentou para a imprensa o plano...

Plano de Aceleração animou empresários do turismo

O BC 4 Estações – Plano de Aceleração para o Desenvolvimento Econômico e Turístico de Balneário Camboriú foi apresentado...

Texto: Marlise Schneider Cezar

“Balneário Camboriú é uma cidade desejada, porque tem qualidade de vida, saneamento, organização, é limpa, bonita por natureza… e olha que eu conheço o Brasil inteiro. Uma cidade desejada precisa ser cuidada com carinho, precisa ser amada por todos que a escolheram pra viver e amor… a gente só mostra com práticas”

- Publicidade -

Palavras do novo secretário de Turismo de Balneário Camboriú, Geninho Goes, anunciado pelo prefeito Fabrício Oliveira, nesta sexta-feira (5) e que substitui Valdir Walendowski, que estava no cargo desde agosto de 2018.

“Geninho chega com a missão de contribuir para o reaquecimento do turismo, agregando inovação e tecnologia para o incremento do setor”, disse o prefeito Fabricio Oliveira.

Ao Página 3 o novo secretário falou sobre o trabalho que vem idealizando, destacando o desenvolvimento econômico, e que em poucos dias será apresentado à comunidade.

Geninho está em Balneário Camboriú há mais de três décadas e o turismo já veio na bagagem, sempre foi sua bandeira, sua vocação e sua formação.

- Publicidade -

Trabalhou em vários setores do turismo, gerenciou hotéis, tornou-se palestrante, foi secretário de Turismo de Porto Belo, foi criador do maior evento de turismo do sul do país, a BNT Mercosul…

Há 25 anos, ele foi diretor de Marketing na Secretaria que hoje comanda.

Nos últimos 20 anos é ‘sondado’ para assumir a Secretaria de Turismo e desta vez, disse ‘sim’ para um prefeito persistente.

Hora certa

Geninho e o prefeito Fabrício. Foto: Jefferson Severino

“Acredito que tudo tem a sua hora. Há quatro anos fui convidado, mas por motivos pessoais, não podia, estava dedicado aos meus negócios, família.

Há quatro anos me tornei pai, ele me convidou e na ocasião eu expliquei que não podia, porque minha prioridade é minha filha. Hoje as coisas estão mais encaminhadas e o Fabrício quando quer alguma coisa, é persistente.

Essa persistência colaborou e além disso, o momento econômico que a cidade está passando e as boas perspectivas, mudanças, projetos, que estão por vir, merecem um turismo arrojado, mais desenvolvido, mais focado, mais digital. Senti que nesse momento posso contribuir com a cidade, posso me doar para Balneário Camboriú”.

A retomada

“Este não é um momento que Balneário está vivendo. O mundo está vivendo isso, todos os destinos turísticos. As empresas que não estavam preparadas, a maioria não estava, estão sofrendo.

O turismo é a principal atividade de Balneário Camboriú, ele movimenta outros segmentos que são importantes, mas por outro lado, esse momento nos dá tempo para planejar. Por exemplo: vejo que tinha alguns segmentos que estavam reunidos em abril do ano passado para pensar na retomada. Ela depende diretamente da questão da imunização, as pessoas estarem imunizadas.

Vai ser uma retomada lenta, porém já temos um plano, apresentei ao prefeito, temos o conselho de turismo, as entidades organizadas, sei quais são as expectativas deles, ou seja, já sabemos para onde olhar.

Acredito que em menos de 10 dias vamos falar como será a retomada do crescimento econômico do turismo, como isso vai acontecer.

Temos uma demanda represada, as pessoas estão com vontade de viajar, mas precisamos esperar ainda porque acima de tudo, temos que priorizar a segurança de cada um”.

Desenvolvimento econômico

“Balneário Camboriú é uma cidade pronta para o turismo, mas toda cidade é um ser vivo, ou seja, está sempre evoluindo, melhorando, mas a nossa cidade está vivendo um momento muito importante desse desenvolvimento com alargamento da faixa de areia, novos parques, novas atrações, deixamos de ser aquela cidade que só dependia da temporada de verão, é uma cidade reconhecida pela qualidade de vida, são tantos fatores que agora temos que olhar para o turismo realmente como uma fonte de desenvolvimento econômico.

O turismo não é só divulgação, levar para o agente de viagem. O turismo envolve todos os segmentos, todo mundo ganha com o turismo, por mais que a construção civil seja um segmento muito importante da cidade, tem uma hora que ela vai ter um limite, não vai mais ter lugar para construir prédio… a gente tem que viver então do quê? Do turismo o ano todo”.

Planejamento: quatro áreas

“Há algum tempo estamos conversando tudo isso com o prefeito, já temos um plano, acredito que em uma semana será apresentado para imprensa, trade turístico, setores organizados.

Fiz uma proposta de trabalhar principalmente quatro áreas: 1) marketing, 2) eventos, 3) capacitação, treinamento e desenvolvimento e 4) captação de recursos.

Em cada área estamos desenvolvendo vários projetos, desde eventos que precisamos captar, como o Centro de Eventos que esperamos que logo esteja liberado, mas isso não aconteceu devido à pandemia; temos os eventos que chamo ‘eventos vitrine’, aqueles que promovem Balneário Camboriú.

A área digital será incrementada porque hoje a informação é digital, informação muito rápida e temos que trabalhar esta questão do marketing digital.

Fortalecer os eventos já existentes, como Natal, Reveillon, Carnaval, ícones da cidade. Então tem muito trabalho”.

Marca com alma

“Queremos trabalhar para deixar uma marca, uma marca com alma, para que as pessoas adotem essa marca e toda população, nossos moradores, segmentos organizados adotem essa marca… não é a marca de um governo, é a marca de uma cidade. Esse é o legado que a gente quer deixar para Balneário Camboriú”.

Pandemia

“Acho que esse momento da pandemia veio trazer a oportunidade de um planejamento sólido com a participação dos setores organizados, dos moradores. Vamos elaborar o código de turismo, código de conduta, como vamos receber o turista, quais são os valores da cidade e isso é bom que todo mundo fique sabendo.

Estou entrando com uma área de capacitação para todos segmentos que atendem o público, uma capacitação trabalhando muito com online, desde a pessoa que vende um produto na praia até o agente de viagem que está vendendo nossa cidade lá no outro ponto. Capacitação vai ser um ponto forte no nosso planejamento, e o resultado vai vir com o tempo”.

Orçamento

“Uma cidade que vive do turismo precisa ter um orçamento significativo, mas acima de tudo, é preciso criatividade, porque tem cidade aí que não faz nem com dinheiro. É preciso ser criativo, envolver a sociedade, as entidades, os setores organizados, buscar apoio da iniciativa privada.

Balneário Camboriú é uma vitrine, existem muitas alternativas. Claro que o dinheiro é importante, mas tem muitas coisas que podemos fazer com a estrutura que existe”.

Registro

“Quero registrar minha admiração, meu respeito, pelo Valdir (Walendowski). Ele foi secretário de Estado, esteve à frente da Santur, Balneário Camboriú, Brusque, é uma pessoa que tem história no turismo e quem faz parte do poder público, assim como na iniciativa privada, sabe que as trocas fazem parte da vida. Ele pegou um período realmente muito difícil, mas acredito que contribuiu muito com a cidade”.

Desafios

“Precisamos de coisas boas, ações que mostrem um futuro positivo! Esse será meu desafio”.

Currículo de Geninho

•Bacharel em Turismo pela Faculdade Ibero Americana – SP
•Pós Graduado em Marketing – UNIVALI
•Pós Graduado em Metodologia Ensino Superior – UNIVALI
•Especialização em Parapsicologia Clínica – IPPAPI
•Formado em Psicodinâmica dos Negócios
•Caderno de Turismo Folha de SP
•Coordenador de Roteiros – Projeto TURISMETRÔ SP
•Gerente de MKT Operadora Itaguaçu com sede em SP / Chile e USA
•Gerente Hotel Marambaia e Fischer – Balneário Camboriú
•Professor Universitário de Planejamento Turístico – UNIVALI
•Presidente da ABBTUR-SC
•Secretário de Turismo de Porto Belo 92/93
•Convidado pelo Governo dos Açores para intercâmbio sobre colonização Açoriana
•Diretor de MKT da Secretaria de Turismo de Balneário Camboriú – 96/97
•Editor do GUIA SC – Roteiros turísticos por 8 anos
•Organizador de eventos nacionais em vários segmentos (médico, comércio, advogados, maratonas, 500 milhas de Kart, entre outros)
•Consultor do SEBRAE SC e MS
•Idealizador da BNT MERCOSUL – Um dos principais eventos do trade do Brasil com 27 anos de existência
•Diretor de MKT do CONVENTION BUREAU de BC
•Idealizador e promotor de RODADAS DE NEGÓCIOS de turismo em 5 países
•Diretor de Marketing e Gestão de pessoas do Beto Carrero World por 5 anos
•Organizador do Meeting MSD reunindo os mais sucedidos empresários do país
•Palestrante na área motivacional por 15 anos, ministrando palestra nas principais empresas para se trabalhar do país em todo território Nacional
•Autor de seis livros
•Diretor de MKT da MAGRASS – A Maior Rede de Emagrecimento Saudável da América Latina por 4 anos
•Presidente da ONG Anjos da Vida
•Viagens de experiência para mais de 50 destinos internacionais
•Consultor empresarial na área de MKT

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -

Governo do Estado responde ao MP que não suspenderá atividades por 14 dias

(Assessoria Estado) - O Governo do Estado protocolou junto ao Ministério Público de Santa Catarina na manhã deste sábado,...
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -